PROGRAMAÇÃO
SÉRIE CAÇADORAS
Uma série em que ELAS são as protagonistas
SÉRIE UM SONHO TORNADO REALIDADE
Sonhos cinegéticos que... se tornam em realidade
Salvar A Perdiz Vermelha
Entramos no Projeto: Salvar a perdiz vermelha. Uma iniciativa vital para a recuperação destes exemplares
SAFARI SEASON
Se a sua paixão é caçar, torne os seus sonhos realidade
CÃES E CAÇA
Descobre as caracteristicas das diferentes raças de caça
MEAT EATER: CAÇA E COZINHA
Emocionantes lances e excelentes guisados com Steven Rinella
AGORA NA CAÇAVISION
09:00
Abater um veado durante a brama é um dos momentos mais desejados da temporada, para muitos afi...
09:29
Por mão de Gonzalo Gomez Escudero mudamo-nos para o Uruguai onde desfrutaremos de duas magníf...
10:00
Vamos acompanhar esta jovem treinadora canina e assistente de veterinária, que tem uma verdade...
PROGRAMAÇÃO
07:32
No nosso canal estamos empenhados em fazer-vos vibrar com cada lance. E poucas modalidades nos fazem desfrutar tanto como a nossa querida montaria. Vamos até uma pequena aldeia do norte de Portugal, onde a caça é uma atividade muito enraizada e de vital importância para manter as altas densidades de javalis. Além disso, veremos como os dias de montaria se convertem numa autêntica festa para estas localidades.
08:01
O seu canal de caça e somente de caça, dos caçadores que gostam de jornadas cinegéticas nacionais e internacionais, leva-o até à Nova Zelândia. Acompanharemos Remi, do Solo Hunter, que nos levará a duas aproximações: uma a um carneiro com arco e outra a um bom veado com espingarda.
08:19
Iremos até à propriedade andaluza La Virgen, localizada em terras de Jaén. Numa mancha espetacular, veremos inúmeros lances a gamos, veados e, sobretudo, javalis. O quadro final, fantástico, demonstrará que estamos diante de uma das montarias da temporada. Quantidade e qualidade numa jornada repleta de caça.
09:00
Abater um veado durante a brama é um dos momentos mais desejados da temporada, para muitos aficionados. E nesta época, os exemplares em cio estão em todo o seu esplendor. Nesta jornada, vamos até à Reserva de Riano, para acompanhar um caçador que, como todos os anos, irá tentar cumprir o seu sonho de cobrar um grande troféu de veado. Avizinha-se uma aproximação sensacional, numa emblemática mancha. Veja aqui, no Caçavision.
09:29
Por mão de Gonzalo Gomez Escudero mudamo-nos para o Uruguai onde desfrutaremos de duas magníficas caçadas às rolas e aos torcazes. Muitos lances a uma infinidade de rolas, e excelentes conselhos para melhorar os nossos resultados, fazem deste documentário didático e divertido.
10:00
Vamos acompanhar esta jovem treinadora canina e assistente de veterinária, que tem uma verdadeira devoção por animais e pela caça. Os locais escolhidos para a nossa jornada cinegética serão Cuenca e Burgos. Junto a esta grande aficionada, iremos tentar caçar um bom macho de corço, ao longo de várias aproximações.
10:37
Short Hunting Films_Gordon European Championship
10:42
Vamos a uma montaria na Propriedade de La Umbria, situada nas imediações de Valdecaballeros, na província de Badajoz. Vamos a uma montaria de 300 hectares, com 15 postos e 8 matilhas. E apesar da chuva da noite anterior e do forte vento que se deu durante a montaria, conseguiu abater 61 javalis, 5 deles medalháveis.
11:11
A caça menor com cães de parar é uma das expressões máximas da atividade cinegética, e nem falemos de quando esta se passa na montanha. Mas é precisamente esta modalidade que iremos ver neste novo programa, em que iremos atrás das perdizes cinzentas e galos lira, em terras francesas.
12:00
Não há melhor maneira de honrar as peças que caçamos, do que aproveitar a sua carne na mesa ou no monte. Isto é muito claro para Babe Winkelman que, no seu programa de hoje de Outdoor Secrets, terá como protagonista o veado de cauda branca, no campo e no prato.
12:20
Os cães de caça, como autênticos atletas, precisam de estar em forma durante todo o ano, para renderem nas jornadas venatórias mais exigentes. Nesta reportagem, vamos acompanhar um criador profissional de cães, num treino intensivo com caça real, a perdiz. Este é um trabalho indispensável para que os cães estejam em perfeitas condições físicas.
12:50
Montearemos uma mancha repleta de veados, gamos, muflões e javalis, sendo este último o mais abundante no coto, e o que é mais apreciado pelos caçadores. Espera-nos um dia magnífico, de muita caça. Há alguns monteiros que irão conseguir ver várias peças e, em alguns casos, troféus sensacionais.
13:21
Curtas-metragens de caça.
13:26
Estaremos de novo na Columbia Britânica, na companhia do Jim e do Corey e viveremos outra vez a “Caça selvagem em lugares extremos”, atrás dos ursos negros, apesar de que neste episódio será com arco e flechas. Espera-nos um documentário impressionante, onde será fundamental haver sangue frio e uma grande experiência, para conseguir cumprir o objetivo cinegético.
14:11
Em primeiro lugar, entraremos no coração da Serra de São Pedro, na Extremadura, para desfrutar de uma esplêndida montaria, com um grupo de caçadores. Depois, iremos fazer uma aproximação em Gredos, um lugar mítico. As expectativas estão colocadas sobre um bom exemplar de macho montês, que esperamos abater no final da jornada.
14:47
Chega o momento de irmos a outra montaria em terras da Estremadura, onde conheceremos uma propriedade excecional, preparada para a ocasião e cuidada expressamente para fazer com que os monteiros desfrutem ao máximo. A mancha estará cheia de javalis e veados, e os tiros serão mais que muitos. O quadro final da jornada será espetacular, e os abates das peças, absolutamente vibrantes.
15:17
Viajamos até terras africanas em Liuwa, na Zambia. Todos os anos, o rio Zambeze transborda e transforma esta zona de savana num lago. Para assegurar a sua sobrevivência, as espécies têm de se adaptar a estas condições duras. Conheceremos a situação aqui vivida, através dos olhos da última leoa, uma predadora que terá que competir ferozmente pelo território e pela comida.
16:08
Regressamos à Península Ibérica para visitar um dos coutos mais prestigiosos do panorama venatório: a Zarzuela. Este terreno, situado na Reserva extrema de Cíjara, alberga alguns veados de grande envergadura e que têm uma fama mais do que merecida. O objetivo desta aproximação serão dois machos medalháveis, e será feita por um par de aficionados que sentem a caça como uma verdadeira paixão.
16:38
Vamos até à província de Castela e Leão para desfrutar de uns bons lances às codornizes. Mas nesta ocasião, o dia tem outro significado, porque este grupo de amigos reuniu-se no coto para organizar um campeonato solidário para lutar contra o cancro infantil. Uma iniciativa que volta a refletir o lado mais altruísta e desinteressado do coletivo cinegético.
17:06
Neste primeiro dia do ano, estaremos com duas famílias de Sevilha, que têm muita tradição cinegética: a família Gago e a família Pozo, que caçam juntas desde há muitos anos. Mas esta batida é especial, porque o pai do Emilio Pozo faleceu há pouco tempo e os amigos e familiares uniram-se, por ele. Vão oferecer-nos lances preciosos às perdizes. Cada exemplar abatido será uma homenagem a este aficionado, que já não está entre nós.
17:33
Deslocamo-nos aos montes asturianos do Concelho de Valdés para caçar aos javalis de batida, ajudados por cães de rasto que darão com vários navalheiros.
17:59
Desta vez desfrutaremos da venatória internacional, mas não vai ser num destino cinegético qualquer, mas sim num em que para muitos é o paraíso da caça menor em posto fixo. Referimo-nos à Argentina, com uma caçada sobre as rolas, pombos e aquáticas, e onde os tiros e os cobros serão milhares. E é isto que conquista aficionados de todo o mundo. Muitos tiros, diversão e um bom número de abates assegurados.
18:30
Deslocamo-nos até aos Campos de Criptana, na propriedade La Hidalga, para minimizar os danos agrícolas da espécie. Quatro caçadores e os seus podengos, em pleno mês de agosto, irão desfrutar de numerosos lances atrás dos muitos coelhos do loca.
19:01
Convidamo-vos a acompanhar-nos até à Oceânia, para desfrutarem de um novo programa da serie protagonizada por David Hughes. Hoje, além de caçar e atirar, partilharemos outras aventuras emocionantes nas terras e águas selvagens da Nova Zelândia.
19:25
Como acontece em tantos sítios do mundo, a superpopulação de espécies cinegéticas torna necessário controlá-las, através da caça. E é precisamente isso que vai acontecer aqui: uma caçada de controlo aos gansos em Ontário. Não perca mais um episódio da serie apaixonante Outdoor Secretes, com Babe Winkelman.
19:46
Vamos até ao município de Zufre, dentro do Parque Natural da Serra de Araceno e Picos de Aroche. No coto “El Vaquerizo”, montearemos uma mancha muito densa de sobreiros, onde o terreno converter-se-á na melhor defesa para os javalis e veados, que tentaremos abater. Cães e caçadores terão que empenhar-se a fundo para conseguir um bom quadro de caça, no final.
20:20
É o momento de vibrar com outra montaria sensacional, desta vez nas imediações do município andaluz de Villanueva de Córdoba. No coto de Las Pilillas, com abundantes veados e muflões de excelente qualidade, irá ser monteada toda a área. Estabeleceu-se um cupo de 3 veados e 2 muflões. No final do dia, os monteiros oferecer-nos-ão um magnífico quadro, onde as medalhas são sucessivas, a cada temporada.
21:00
Em términos venatórios, Camerún é sinónimo de pureza, selvagismo e dificuldade nos safaris que se levam a cabo nos seus territórios. E um exemplo daquilo que dizemos é este episódio de hoje, em que o desafio cinegético será abater um búfalo de floresta, uma tarefa difícil devido a todas as complicações que existem na selva.
21:26
Estamos na província de Badajoz, acompanhando os protagonistas da jornada de hoje: um grupo de caçadores italianos, que a cada época vão à Extremadura para a caça do tordo com os seus cães: incansáveis e fieis acompanhantes de cada jornada, que não podem faltar ao encontro, e menos ainda sendo aos tordos, onde o cobro será constante durante toda a manhã.
21:57
As montanhas da Nova Zelândia tornaram-se habitats perfeitos para duas espécies que não são originárias dessa zona: a camurça e o tahr do Himalaia. Será atrás de um tahr que os nossos amigos do Solo Hunter guiarão os seus passos, numa nova aventura cheia de emoção, intensidade e, claro, caça.
22:19
O Paquistão é o destino a que iremos esta noite, com a série “Caça selvagem em lugares extremos”, mas agora apenas na companhia de Jim Shockey. O nosso amigo irá atrás dos passos da Gazela da Índia ou chinkara, do Urial do Punjab e do Íbex do Himalaya, em aproximações muito duras e incríveis, mas ao alcance de muito poucos.
23:05
O Delta do Danúbio, uma região fluvial emblemática, localizada na Roménia, é um dos paraísos da biodiversidade mundial e uma das zonas de caça com mais nome do nosso continente. Iremos deslocar-nos até lá para caçar aquáticas e faisões, nestes ambientes húmidos, com alguma surpresa com os javalis que estão na vegetação das ribeiras.
23:31
Muito calor, rochas e cactos são alguns dos ingredientes de toda esta aproximação, no verão, em terras de estado americano do Texas. Neste exigente e extremo terreno, o nosso amigo Tim, da série Solo Hunter, leva-nos a vibrar com a caça. O objetivo cinegético será um espetacular arruí macho, nestes áridos terrenos.
00:00
Não há nada mais reconfortante para os amantes da caça menor com cão, do que passar uma jornada de caça com os amigos, a desfrutar da natureza, e especialmente quando há uma boa densidade de perdizes e os cães sabem fazer o seu trabalho na perfeição.
00:38
Uma jornada de caça menor, na qual os cães e as espingardas quebrarão o silêncio que reina no campo. O cenário escolhido é o coto estremenho de Las Traviesas, nas Planícies de Cáceres, e o objetivo dos caçadores são os coelhos e as perdizes. Desfrutaremos de uma boa quantidade de lances.
01:01
Nas grandes florestas americanas, a caça com arco em zona aberta é a mais usual e eficaz com todos os tipos de cervídeos e ursos negros. Neste documentário de Outdoor Secrets, que estreamos hoje, vamos presenciar várias esperas até encontrarmos um bom veado de cauda branca.
01:21
É o momento de vibrar com outra montaria sensacional, desta vez nas imediações do município andaluz de Villanueva de Córdoba. No coto de Las Pilillas, com abundantes veados e muflões de excelente qualidade, irá ser monteada toda a área. Estabeleceu-se um cupo de 3 veados e 2 muflões. No final do dia, os monteiros oferecer-nos-ão um magnífico quadro, onde as medalhas são sucessivas, a cada temporada.
01:52
Abrigos, postos, chamarizes, redes,… São muitas as artes de caça tradicionais que os aficionados gauleses usam com os pombos tocazes e outras espécies migratórias. Como bem sabem aqueles mais experientes, alguns destes métodos também são comuns no outro lado dos Pirenéus, na nossa Península Ibérica. É precisamente esta noite que iremos ver em uso algumas destas artes do passado, para uma caça muito presente.
02:17
Nesta nova jornada, iremos até à zona de Ronquillo, um dos pontos prediletos dentro da Península Ibérica para praticar a caça em montaria. Um grupo de jovens ficou encarregue de organizar a jornada e o local escolhido para a ocasião é a propriedade em Umbria. A mancha, dominada por javalis, irá oferecer-nos grandes abates dos monteiros, tiros espetaculares e, como não podia deixar de ser, uns troféus muito dignos.
02:46
Hoje o Zimbabué será o nosso destino, e neste safari viveremos intensas emoções numa zona de grande riqueza faunística, com muitas espécies cinegéticas ao alcance dos caçadores. O sempre esquivo e enigmático bushbuck e o lendário elefante serão os pratos fortes deste interessante documentário.
03:11
O programa de hoje leva-nos às terras do Estado de Montana, na fronteira com o Canadá, onde iremos na companhia do nosso colega Steven Rinella. Num novo episódio da serie Meat Eater, iremos até essas vastas e exigentes áreas de caça para praticar uma modalidade tão atrativa como a caça de aproximação.
03:36
Na nova sessão de Safari Season, voltaremos à África do Sul junto ao nosso amigo Gary com o seu arco, tendo ocasião para caçar um springbuck, um carneiro racka e um carneiro de Jacob.
04:06
Viajamos até à Serra conquense, com três aficionados maiorquinos que, cada vez que podem, vão até terras peninsulares para praticar a sua modalidade preferida, a espera. Estes caçadores terão como objetivo cinegético os javalis, mas combinarão armas. Dois deles subirão ao alto das árvores com os seus arcos, enquanto o terceiro fará o mesmo desde terra e utilizará carabina. Entre todos, tentarão usar a sua experiência para abater alguns troféus de javali nesta espera emocionante.
04:34
Montearemos uma mancha repleta de veados, gamos, muflões e javalis, sendo este último o mais abundante no coto, e o que é mais apreciado pelos caçadores. Espera-nos um dia magnífico, de muita caça. Há alguns monteiros que irão conseguir ver várias peças e, em alguns casos, troféus sensacionais.
05:06
Muito calor, rochas e cactos são alguns dos ingredientes de toda esta aproximação, no verão, em terras de estado americano do Texas. Neste exigente e extremo terreno, o nosso amigo Tim, da série Solo Hunter, leva-nos a vibrar com a caça. O objetivo cinegético será um espetacular arruí macho, nestes áridos terrenos.
05:28
Voltamos a ter um encontro com os nossos amigos do Young Wild Hunters, um grupo de jovens aficionados que se encarregam de manter a caça no seu auge e assegurar o futuro geracional. Vamos acompanhá-los durante uma jornada em Guadalajara, terra de corços. Aqui, irão dar-nos a conhecer os problemas de genética que podem acontecer num coto em que o número de fêmeas é muito superior ao dos machos. Aproveitaremos também para passar um grande dia com eles, atrás dos “duendes”. Aqui, no Cazavisión.
05:56
Esta propriedade, na península de Cáceres, será o cenário escolhido para lidar com a rainha da caça menor, a perdiz vermelha. Durante esta jornada, setter, braco e breton vão dominar o terreno e dar-nos excelentes mostras. Tudo isst para ajudar os caçadores nos seus lances contra as esquivas perdizes.
06:31
Iremos até este arquipélago para concretizar o sonho de outro aficionado: caçar um veado-d´água-chinês. Estes animais são mais pequenos que um corço e a grande gestão que há neste país leva a que a quantidade destes exemplares seja muito alta. Perceberemos então como se caçam, assim como a grande cultura cinegética que têm.